Sobre nós

seminário william seymour

nossa história

Servir à igreja do Senhor é o nosso objetivo, obedecendo a ordenança bíblica de contribuição para a expansão do reino de Deus na terra, foi para isso que o Seminário William Seymour veio a existir.  Esse seminário iniciou os seus trabalhos em 2015 com o pastor Jetúlio Luz, anteriormente com o nome de “Instituto Seymour”, em que disponibilizava apenas o curso básico em teologia no sistema EAD – a distância. A partir de 2019, com o aumento da demanda, passamos a assinar com o nome de “Seminário William Seymour” e, desde então, oferecemos os cursos: básico, médio e bacharel em teologia. Ademais, cursos de especialização livre, mestrado e doutorado, também na modalidade livre, além de outros cursos, como o avançado em Missiologia e Ministério, tanto presenciais quanto em nossa plataforma on-line.
William Seymour (1870-1922), foi filho de ex-escravos nos EUA, viveu em plena época de segregação racial.  William e sua esposa, Jane Moore Seymour, foram líderes do famoso Avivamento da rua Azusa entre 1906-09, em Los Angeles e historicamente, acredita-se que, junto a Charles Fox Parham (1873-1929), são os pais do pentecostalismo moderno. Entretanto, William Seymour destaca-se pela liderança do grande avivamento que aconteceu na rua Azusa, 312, Los Angeles, Califórnia, em um velho galpão, que foi palco das manifestações do Espírito Santo. Os propósitos de termos o nome desse grande homem em nosso seminário são dois: primeiro, pela sua representação para a comunidade pentecostal, e, segundo, para enfatizar a nossa teologia. Assim, a nossa teologia é sob perspectiva pentecostal, defendemos o que historicamente nossos pais acreditavam, ensinavam e viviam fundamentados nas Escrituras.
Com a expansão do labor teológico e a contribuição ao Reino de Deus, o Seminário William Seymour fundiu-se com outra idônea escola de teologia confessional: SETTRU – Seminário Teológico e de Treinamento Unida. Seminário oficial da Igreja Unida, que é administrada pela Convenção Unida Internacional, presidida pelo pastor Leonardo Meyer.

0
seminários
0
Fundação
0
estudantes
0
cursos

Em 2005, a Convenção Unida aprovou o SETTRU como entidade educacional oficial das Igrejas Unidas. Tendo sua administração inicial substituída pela pastora Cleide – diretora e coordenadora pedagógica e pela pastora Nádia – secretária administrativa e coordenadora teológica, no ano de 2006. A princípio, o SETTRU contava com o Curso de Iniciação Teológica e, posteriormente, implementou as modalidades dos cursos básico, médio e bacharel livre em Teologia. Em 2009, firmou parceria com a ULCEBRAS – União de Capelães Evangélicos do Brasil, que oferece curso básico de capelania. Em 2013, o SETTRU foi certificado pela AETAL- Associação Evangélica de Educação Teológica da América Latina (fundada em 1968 na cidade de Campinas- SP), “associação juridicamente constituída de escolas evangélicas de educação teológica que visam ao fortalecimento da formação de líderes para a Igreja de Cristo” que “filia instituições desde o México até a Argentina, cobrindo todo o continente latino-americano, com exceção do Caribe.” 

A Convenção Unida Internacional é a responsável pela a administração das Igrejas Unida no Brasil e no mundo e foi fundada em São Paulo/SP, Brasil, em 13 de julho de 1963. Em sua fundação teve como presidente o pastor Luís Schiliró. Sua existência se deu por fusão das seguintes igrejas: Igreja Cristã Pentecostal Evangelização e Cura Divina “Maravilhas de Jesus”; Igreja Evangélica do Povo e Igreja Cristã Evangélica Unida, contrariando a tendência corrente, no Brasil, de segmentação de igrejas, no ramo evangélico. Seu primeiro nome, no momento de sua fundação, foi Igreja Evangélica Pentecostal Unida, alterado posteriormente por problemas de ordem legal. No ano de 2011, o governador do Estado de São Paulo, Dr. Geraldo Alckmin, no uso de suas atribuições executivas, assinou a Lei nº 14.410 de 12/04/2.011, instituindo o Dia das Igrejas Unidas. No ano de 2013, a Igreja Unida comemorou com galhardia o seu Jubileu de Ouro de fundação.

O pastor Leonardo Meyer, atual presidente dessa Convenção, em reunião de obreiros da Igreja Unida, no dia 19 de junho, de 2021, em São Paulo/SP, comunicou aos presentes e, consequentemente a todo ministério, que o Seminário William Seymour e o SETTRU – Seminário Teológico e de Treinamento Unida, depois de tratativas bem-sucedidas e com a aprovação mútua, fundiram-se. Portanto, passando agora a assinar unicamente como Seminário William Seymour.  Apesar da fusão, a política interdenominacional quanto ao alcance dos nossos cursos, continuará normalmente. Oficialmente, o Seminário William Seymour é um órgão da Convenção Unida Internacional que é responsável pelas Igrejas Unida em todo o mundo, mas quanto ao reino de Deus, ele continua interdenominacional.

Pr. Leonardo Meyer
Presidente da Convenção Unida Internacional

Pr.Jetúlio Luz
Diretor – Executivo do Seminário William Seymour